quinta-feira, 28 de julho de 2011

Cento e vinte

Antes de ontem eu meu amor tivemos uma briga FEIA, dessas que começam por uma frase mal interpretada, vão avançando, avançando e terminam com insultos e pranto, muito pranto.
(Meu no caso)

Antes de dormir MEIO que fizemos as pazes.
Mas acordei ABSURDAMENTE vazia.

Sentindo que a gente não ia mais para lugar nenhum, que era o fim, que eu queria voltar na para a casa da minha mãe,que não queria mais DIJEITONINHUM fazer esta terapia boba...

Acho que todo mundo já passou por isso...

Aquela sensação de que não vamos chegar vivas nem no trabalho...E que certamente não sobreviveremos até à noite.

Mas tenho alguns poucos anos nas costas para saber que esse tipo de coisa passa, apesar desta sensação fatalista que toma conta da gente...
E também, o desânimo era tanto, mas tanto, que nem escrever sobre isso quis...
Também, convenhamos...Esse blog tá ficando repetitivo, tá não?Rs

Daí dia afora fomos conversando via msn...

Até que ela soltou a frase mais linda que já escutei nestes DOIS anos, CINCO meses, e VINTE E SETE dias de namoro...


"Meu amor por você é maior que essa dor"

o_O


Sabe o que significa para mim nestas alturas do campeonato ouvir um troço desses?

Dói, pq eu a traí.
Daí ela me aceitou de volta, provando mais e mais seu sentimento por mim.
E eu?
O que posso fazer para pelo menos amenizar este sentimento péssimo dentro dela?

Nada.
Conto com meu esforço para mudar velhas atitudes e com o tempo para me ajudar.

Mais nada.
Hoje estou feliz...Simplesmente pq dormimos em paz uma com outra.
Às vezes a felicidade vem da falta de infelicidade...
Devia ser assim sempre...




Besos



PS: Obrigada, Mô...     




Ps II: Simplesmente NÃO CONSIGOOOO arrumar a fonte desta postagem...
Lamento, mas vai ficar pequenininho mesmo!






2 comentários:

Torcedora ;) disse...

Flor! Não desista da terapia, não desista da sua namorada. Ela não desistiu de você. Faça pactos de convivência. Tudo vai ficar diferente. Pode acreditar. ;)

disse...

ELEMENTAR que não desistirei da minha namorada!
Nem que o mundo vire pó, estarei lá um dia após o outro...
Ainda que vez ou outra precise suspirar e deixar o momento ruim passar.
Não desisto pq não há NINGUÈM no mundo de valha à pena além dela.
E esta agora é uma certeza que tenho.
Ela MERECE este esforço depois do que fiz.
Me iludi, enxerguei ouro em pó onde não havia sequer areia, mas estou aqui,acordada...
E nada vai me fazer largar a bichinha, ainda que doa muito ás vezes.
Dói, certamente, bem mais nela.
Obrigada pelo comentário.